Microsoft, Amazon, Twitter e Microsoft demitem funcionários em massa.

gazeta24h

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Vamos olhar mais atentamente aos cortes de empregos que a indústria de tecnologia está enfrentando agora.

A grande Microsoft pode demitir cerca de 10.000 funcionários ou 5% de sua força de trabalho total. A empresa disse que assumiria uma cobrança de US$ 1,2 bilhão no segundo trimestre.

A Amazon também está demitindo cerca de 18 mil funcionários a partir deste mês. A empresa disse que a última rodada de demissões afetará a divisão de recursos humanos e varejo.

No início de novembro, o Twitter demitiu quase todos os funcionários de sua sede no Brasil, e um total de 50% dos funcionários do Twitter foram demitidos em todo o mundo.

Em novembro do ano passado, a Meta demitiu cerca de 11 mil funcionários. No ano passado, o Twitter sob o comando de Elon Musk perdeu quase metade de seus funcionários, com a empresa procurando uma nova rodada de demissões.

Todas essas demissões em massa apenas revelam as crises das grandes gigantes da tecnologia, que após contratações em massa, se encontram em um momento de crise global, onde as demissões são o caminho mais rápido para se livrar das reduções de custos.

Acesse a Gazeta24h e fique bem informado com as principais notícias do Brasil e do mundo.