Usuários aprovam retorno da entrega de quentinhas nos restaurantes populares

Ana Silva
Ana Silva
3 min. para leitura
Usuários aprovam retorno da entrega de quentinhas nos restaurantes populares

Para garantir a segurança sanitária da população em situação de vulnerabilidade, nesta sexta-feira (14), os restaurantes populares de Pau da Lima e São Tomé de Paripe, administrados pela Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), voltaram a fornecer as refeições através da distribuição de quentinhas. Os usuários das unidades aprovaram a medida, que tem a finalidade de conter o aumento do número de casos de Covid-19 e surtos gripais.

Frequentador assíduo da unidade de Pau da Lima, Antônio Carlos Dória, de 75 anos, disse se sentir mais seguro com este tipo de distribuição. “Nesse momento, a entrega das quentinhas é boa para usuários e funcionários. Evita que as pessoas tirem as máscaras e todos fiquem menos vulneráveis. Infelizmente, a situação está piorando, as doenças estão aí e precisamos nos cuidar. Quanto mais distante estivermos, mais seguro estaremos”, defendeu.

Usuários aprovam retorno da entrega de quentinhas nos restaurantes populares

Desempregado, Robson Pedro Souza, de 48 anos, também avaliou de forma positiva a medida. “A entrega das quentinhas diminui a possibilidade de aglomeração. A circulação é mais rápida, a gente pega o alimento, leva para casa e cada um come reservadamente. Ainda possibilita que a comida seja dividida entre o almoço e a janta”, explicou.

Souza lembrou que existem pessoas que só têm essa alimentação diária, e para ele, poder fracionar é melhor, além de evitar o contato com indivíduos doentes. “Para almoçar aqui, é inevitável que a gente tire as máscaras e nesse momento é um risco”, admitiu.

Cuidado – O secretário de Promoção Social e Combate à Pobreza e Promoção Social, Kiki Bispo, destacou a necessidade de criar medidas para a proteção do público que utiliza os serviços da pasta. “Nosso objetivo é garantir o alimento e a saúde dos usuários, que utilizam diariamente as duas unidades. Continuaremos dando todo o suporte, para garantir a segurança alimentar das pessoas, para que consigam superar esse momento delicado que estamos passando”, disse.

O coordenador do Restaurante Popular de Pau da Lima, Rogério Oliveira, falou que a medida traz mais segurança para todos os envolvidos. “Nesse momento, em que os índices de contaminação estão altos, qualquer ação que possa diminuir o contágio é necessária. A volta da quentinha dinamiza o processo da entrega. As pessoas retornam mais rápido para casa e ficam menos tempo dentro da unidade. Dessa forma é mais seguro para os usuários e funcionários”, concluiu.

Fotos: Jefferson Peixoto/Secom



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

MARCADO: ,
Compartilhe este artigo