Técnica eficaz permite remover tatuagem em poucos dias

Ana Silva
Ana Silva
4 min. para leitura
Técnica eficaz permite remover tatuagem em poucos dias

A tatuagem passou de uma intervenção estética permanente para uma arte que modifica o corpo com chances de ser apagada no futuro. Ainda que utilize uma aplicação subcutânea com pigmentos, injetados através de agulhas, é possível removê-la nos dias de hoje de forma simples e segura, garantindo resultados satisfatórios.

Os motivos pelos quais se resolve remover tatuagens são variados, desde o término de uma relação amorosa ao arrependimento por estampar na pele algo que já não traz um significado importante. É muito comum também pessoas se tatuarem por impulso, mas que logo depois pode provocar arrependimento.

As razões ainda podem se concentrar na profissão ou mesmo em alterações físicas do próprio corpo. Muitos candidatos a uma vaga de trabalho decidem remover tatuagens visíveis para aumentarem as suas chances na seleção, já outras pessoas sofrem com uma mudança corporal e consequentemente o desenho acaba se modificando com o crescimento do corpo.

Atualmente o método de remoção de tatuagem mais procurado é a laser por consistir em um processo rápido e eficaz, que utiliza tecnologia avançada capaz de fazer o corpo descartar os fragmentos por meio de seu sistema imunológico em até 30 dias. “A luz produzida pelo laser atravessa a pele e quebra as moléculas da tinta da tatuagem em minúsculas partículas, separando as cores e gerando uma ‘inflamação’ controlada e proposital”, explica Maria Hartmann, especialista em estética e diretora da Clínica Hartmann.

Outros métodos ainda são utilizados para remover uma tatuagem, como cremes e dermoabrasão. Embora não provoque dor ou lesão corporal, alguns produtos ajudam apenas a clarear a área da pele e o tratamento pode levar meses para apresentar algum resultado satisfatório com o risco de não ser eficaz. Já a dermoabrasão, utiliza um disco de alta rotação para remover as camadas superficiais da pele e deixa a tatuagem mais clara. O procedimento é similar ao do laser, no entanto, a resposta ao tratamento pode não ser satisfatória, uma vez que o método é mais utilizado para retirar cicatrizes e manchas.

O tratamento a laser se revelou um método seguro, pois o laser não provoca câncer. No entanto, é preciso realizar o procedimento em estabelecimentos seguros com máquinas aprovadas pela Anvisa. “O tratamento geralmente não leva mais do que alguns minutos, dependendo do tamanho da tatuagem e da cor”, ressalta a especialista.

Maria Hartmann esclarece que existem tatuagens que apagam com mais facilidade que outras, já que o resultado varia conforme a profundidade, qualidade e volume de tinta. A maioria das pessoas que passaram pelo procedimento apenas sentem um leve desconforto, com sensação semelhante à de uma leve agulhada e de calor na pele. Embora o resultado possa ser percebido durante a aplicação, apenas depois dos 30 dias é que é possível verificar a remoção e a reação do organismo ao tratamento.



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo
Por Ana Silva
Seguir:
"Acredite em si próprio e chegará um dia em que os outros não terão outra escolha senão acreditar com você. Cynthia Kersey Bem, isso resume meu 2022 :)