Recrutamento Data Driven: entenda os benefícios dessa metodologia no RH

Angelo Peterson
Angelo Peterson
4 min. para leitura
Recrutamento Data Driven: entenda os benefícios dessa metodologia no RH

A área de Recursos Humanos vem sendo cada dia mais exigida a conduzir processos seletivos mais assertivos que atendam os interesses da empresa na colocação do profissional certo na posição certa, e também das pessoas candidatas que vem levantando questões sobre a experiência nos processos seletivos.

O data driven é um processo organizacional que trouxe para o RH uma inovação e uma visão mais estratégica, fazendo com que os processos do departamento gerem resultados positivos.

Com o Recrutamento Data Driven, ou orientado por dados, o RH passa a armazenar e analisar os dados dos processos seletivos para usá-los a seu favor. Quando você tem acesso a informações importantes como as dos indicadores de recrutamento, fica muito mais fácil conseguir prever tendências e encontrar gargalos, assim como aplicar estratégias mais eficazes para melhorar o seu recrutamento.

Segundo Alisson Souza, CEO e fundador da abler, startup criada por profissionais das áreas de Recursos Humanos e Tecnologia com o objetivo de conectar empresas e candidatos, os principais benefícios que o RH encontra ao adotar o Recrutamento Data Driven estão a redução dos custos do recrutamento, maior assertividade na escolha dos candidatos, redução no tempo de contratação e melhora na experiência do candidato.

“Um exemplo claro é quando o RH passa a entender onde focar seus esforços na verba para divulgação de vagas, por exemplo, minimizando processos seletivos muito longos e custos com pulverização de vagas, que acabam gerando um custo total do recrutamento e seleção maior”, aponta Alisson.

A redução do tempo de contratação acontece com o RH data driven porque, ao entender a performance do recrutamento e seus pontos de atenção nos processos seletivos, o RH passa a focar energia em etapas de processos seletivos que realmente funcionam, bem como em ferramentas que dão maior apoio à performance. “Com tudo isso, a área de Recursos Humanos passa a concentrar esforços no que realmente funciona e reduz o tempo necessário para recrutar”, atesta Alisson.

Um dos principais benefícios do Data Driven no recrutamento e seleção é a maior assertividade na escolha do candidato, de acordo com Alisson. Existem dados para serem analisados durante o processo seletivo que dão embasamento a seleção dos candidatos, como dados de aderência ao fit cultural e a hard skills, por exemplo.

Alisson ainda informa que o Recrutamento Data Driven permite entender como melhorar a experiência do candidato dentro dos processos seletivos. “É possível entender por meio dos dados o funil de recrutamento e desclassificações, em quais etapas os candidatos mais estão desistindo dos processos seletivos e quais os principais motivos de desistência, permitindo que o RH encontre pontos de atenção para possíveis mudanças”, aponta.

Para finalizar, o fundador da Abler salienta a importância de a empresa ter um ATS (Applicant Tracking System) ou Software para Gestão de Recrutamento e Seleção robusto, pois essa ferramenta torna-se um braço direito do RH que busca ter um recrutamento orientado por dados, já que ela faz a compilação de todos os dados do processo e ainda fornece painéis para análise. “Na abler, por exemplo, o RH tem acesso a mais de 4 dashboards com 25 relatórios atualizados em tempo real sobre todo o recrutamento e seleção, como funil de recrutamento, tempo de fechamento de vagas, candidaturas, motivos de desclassificação e até canais de divulgação”, exemplifica.



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo
Seguir:
"Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu. Sarah Westphal