Prefeito celebra as mais de 500 cirurgias e 61 mil procedimentos realizados no Sesau Fila Zero

Ana Silva
Ana Silva
5 min. para leitura
Prefeito celebra as mais de 500 cirurgias e 61 mil procedimentos realizados no Sesau Fila Zero

A segunda-feira (2/5) registrou mais uma importante conquista para saúde pública de Camaçari. Nesta data, o programa Sesau Fila Zero, realizado pela Prefeitura de Camaçari, por meio da Secretaria da Saúde (Sesau), atingiu a marca de 508 cirurgias e o êxito no atendimento à população foi comemorado pelo prefeito Elinaldo Araújo, que visitou as instalações do programa.

“Minha missão diária é cuidar da população de Camaçari e esse programa tem feito isso. A pandemia da Covid-19 teve impacto direto na saúde. Mas, em nenhum momento essa equipe hesitou em cuidar da nossa gente”, disse o gestor do município. Entre as intervenções cirúrgicas realizadas, estão as oftalmológicas, gerais, vasculares, ortopédicas, ginecológicas, urológicas e proctológicas.

Além destas, já foram feitas também, 139 escleroterapias com espuma densa no tratamento de varizes. O Sesau Fila Zero iniciou no dia 10 de janeiro de 2022, e até o dia 30 de abril, o programa já realizou 61.831 procedimentos, entre consultas, exames, avaliações pré-cirúrgicas e exames pré-operatórios.

Secretário da Saúde de Camaçari, Elias Natan ressaltou que, “este programa nasceu do nosso desejo em atender as necessidades da nossa população. Graças ao empenho de toda a equipe e a determinação do prefeito Elinaldo, temos conseguido avançar para zerar essa fila de espera”. O subsecretário da Saúde, Luiz Duplat, destacou que, “o maior ganho do Fila Zero vai além dos números. Ele está no cuidado com as pessoas. A forma como a equipe tem atendido nossa população é um exemplo a ser seguido”.

A dona de casa Necicleia Salustiano Guedes, 62 anos, mora no Parque Verde I, e foi uma das atendidas nesta segunda-feira no Sesau Fila Zero. “Para mim, eu acho que foi um procedimento bem edificante para todos de Camaçari. Eu tenho exames que tento marcar há mais de um ano, e depois disso, facilitou pra todo mundo”, pontuou ao falar que é atendida pela primeira vez no programa.

O técnico de mecânica, Renildo Teixeira, 47 anos, morador do bairro Gleba A há 20 anos, avaliou o programa. “Acho muito importante para toda a população de Camaçari, e a importância é tão grande que desejo que possa continuar com esse projeto, ele veio em boa hora”, disse ao citar alguns dos serviços que foi buscar atendimento através da iniciativa, entre eles ultrassom do abdômen total, fisioterapia e ortopedista.

Residente do Camaçari de Dentro, Judicael Machado Santa Rosa, 77 anos, que foi à sede do programa para assegurar a realização de exames laboratoriais e consultas com especialistas em psiquiatria e ortopedia, também elogiou o Sesau Fila Zero. “Essa ação é muito importante e ajuda a aliviar mais a busca pelos postos de saúde. Fico feliz porque veio pra ajudar a população”

Sobre as novas marcações de exames, consultas e cirurgias eletivas fora da fila de espera, a diretora de Controle e Regulação do SUS, Elba Brito, explicou que, “novas marcações têm ocorrido na demanda diária da Secretaria da Saúde. O Sesau Fila Zero está atuando na demanda reprimida. Enquanto isso, novos procedimentos têm sido atendidos rotineiramente, na agenda atual da Sesau e dos prestadores credenciados. Temos tido todo um cuidado com isso, para não permitir que surja uma nova fila de espera”.

A iniciativa tem a meta de zerar a fila de espera acumulada durante o período de setembro de 2019 e agosto de 2021, especialmente no ponto alto da pandemia da Covid-19. Para que o cidadão saiba se sua demanda faz parte do programa, o munícipe deve ir até a unidade de saúde de referência e consultar se o procedimento está inserido na fila e dentro do intervalo de tempo especificado. Mais informações podem ser adquiridas pelo call center da Ouvidora Sesau, no número 156.

Foto: Tiago Pacheco



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo