Os Três Porquinhos no Teatro J. Safra

Angelo Peterson
Angelo Peterson
5 min. para leitura
Os Três Porquinhos no Teatro J. Safra

Adaptado e dirigido por Pitty Webo,

espetáculo fará única apresentação no Teatro J. Safra.

Dia 25 de setembro, às 11h30.

O espetáculo “Os Três Porquinhos”, propõe um divertido jogo lúdico, com comédia e aventura, abordando temas como solidariedade, medo e compaixão entre irmãos. A história acontece numa noite muito movimentada na floresta. Adaptado e dirigido por Pitty Webo, a montagem fará única apresentação no Teatro J Safra no dia 25 de setembro às 11h30.

O porquinho Puffy é estudioso, seu irmão Poffy é guloso e preguiçoso, e a porquinha Piffy é medrosa. Mesmo com tantas diferenças, eles precisam se unir porque o inverno está chegando e com ele a ameaça de um faminto lobo, que logo se mostra divertido e atrapalhado. O lobo se julga um ótimo ator, mas na realidade é um canastrão com figurinos de época, fazendo referências ao personagem Hamlet, de Shakespeare.

A montagem busca a identificação do público infantil com as personagens. Por isso os porquinhos brincam muito. Puffy, Poffy e Piffy brincam com a língua inglesa, fazem desafios de tabuada e conversam sobre astronomia. “A ideia é fazer com que as crianças se identifiquem com matérias escolares. Os porquinhos desta montagem gostam de ler, de questionar tabuada, de saber os nomes dos animais, estudar o sistema solar e a língua inglesa.

“Usamos matérias do primário e as colocamos em cena como brincadeiras divertidas”, diz a diretora Pitty Webo, que sempre estimula a interatividade com a plateia em suas peças para crianças.

O lobo inventa disfarces e julga dominar poderosas técnicas de convencimento para atrair os porquinhos. Enquanto ele não aparece, Puffy, Poffy e Piffy exploram a sua capacidade de comunicação corporal em mímicas. A encenação valoriza a construção física das personagens, busca um jogo ágil entre os atores, que brincam com instrumentos musicais e cantam em gromelô cantigas, como, “Marcha Soldado”, “Ciranda Cirandinha” e “Hava Nagila”.

Pitty Webo observa que, ao mesmo tempo em que cria situações novas para as personagens, aborda a história clássica sem enfatizar o medo e a violência presentes em tantos contos. “Nas minhas adaptações os personagens resolvem o seu próprio conflito e vencem seu medo. E através da comédia, desconstruirmos os vilões, justificando também seus objetivos”, diz.

SINOPSE:

Os porquinhos Puffy, Poffy e Piffy vivem numa floresta. Puffy é estudioso, Poffy é guloso e preguiçoso, Piffy é medrosa. Eles precisam se unir porque o inverno está chegando e com ele a ameaça de um faminto lobo, que logo se mostra divertido e atrapalhado. A criançada se diverte com essa aventura, que aborda temas como solidariedade, medo e determinação.

SERVIÇO

“Os Três Porquinhos”

Texto e direção: Pitty Webo

Elenco (em ordem alfabética): Claudio Marinho, Felipe Rua, Pitty Webo e Victor Di Lourenço.

Gênero: Infantil

Duração: 40 min

Classificação: 2 anos

Data e horário: dia 25 de setembro, às 11h30

 

INGRESSOS: de R5 5 a R$ 10 reais

Crianças a partir de 2 anos pagam meia entrada em qualquer setor.

Crianças de 1 ano e 11 meses ou menos não pagam (ficando no colo do responsável) mediante a apresentação de documento comprovando a idade.

Ingressos online: https://www.teatrojsafra.com.br

Bilheteria

Quartas e quintas – 14 às 21h

Sextas, Sábados e Domingos – 14h até o horário dos espetáculos

Vendas online:

Aceita os cartões de débito e crédito: Amex, Dinners, Elo, Mastercard, Visa e Hipercard. Não aceita cheques.

Telefone da bilheteria: (11) 3611-3042 (011) 3611 2561

TEATRO J. SAFRA

Endereço: Rua Josef Kryss, 318 – Barra Funda – São Paulo – SP

Telefone: (11) 3611-3042

Abertura da casa: 2 horas antes de cada horário de espetáculo, com serviço de lounge-bar no saguão do Teatro.

Capacidade da casa: 627 lugares

Acessibilidade para deficiente físico

Estacionamento:

Valet Service (Estacionamento próprio do Teatro) – R$ 30

FICHA TÉCNICA – ”Os Três Porquinhos”

Texto e direção: Pitty Webo

Elenco (em ordem alfabética): Claudio Marinho, Felipe Rua, Pitty Webo e Victor Di Lourenço.

Desenho de figurino e caracterização: Pitty Webo

Costureira e modelista: Joana Sales

Assistente de figurinos: Lulu

Desenho de cenário: Pitty Webo

Marceneiro: Reinaldo Lopes

Montagem de cenário: Rodrigo Pereira

Trilha sonora: Pitty Webo

Arranjos: Victor Di Lourenço

Preparação corporal: Pitty Webo

Desenho de luz: Pitty Webo

Ilustração: Marilena Saito

Crédito do fotógrafo: Jeronimo Gomes

Transportador oficial: ML Entregas Urgentes

Administração e promoções: Gabriele Oliveira

Produção Executiva e Marketing cultural: Caroline Santana

Realização: Companhia Pitty Webo Arte & Cultura Ltda.



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo
Seguir:
"Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu. Sarah Westphal