Mãe Salvador disponibiliza cerca de 20 mil passagens de transporte para gestantes

Angelo Peterson
Angelo Peterson
2 min. para leitura
Mãe Salvador disponibiliza cerca de 20 mil passagens de transporte para gestantes

Cerca de 20 mil passagens de transporte já foram disponibilizadas para as gestantes da capital baiana realizarem o acompanhamento pré-natal na rede municipal de saúde. Esse é o balanço das ações do programa Mãe Salvador, lançado em 18 de novembro deste ano pela Prefeitura.

A estratégia visa garantir o comparecimento das futuras mamães nas consultas de acompanhamento de pré-natal. Para isso, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) entrega cartões do transporte público para locomoção das gestantes. Cada beneficiária conta com 30 passagens de ônibus (quantitativo variável a depender da idade gestacional).

No total, mais de 3,5 mil gestantes já estão cadastradas no programa e mais de 1,8 mil cartões já foram entregues. “O objetivo do programa é ampliar a assistência pré-natal, parto e puerpério das mulheres residentes em Salvador, facilitar o acesso dessa gestante ao serviço público de saúde, por meio do transporte público, mediante cadastramento junto à SMS, além de garantir consultas pós-parto para mães e bebês, bem como acesso ao teste do pezinho, por exemplo”, explicou o titular da SMS, Leo Prates.

Motivação – O programa Mãe Salvador tem como meta alcançar 70% das gestantes com sete ou mais consultas de pré-natal, buscando reduzir a mortalidade materna na cidade. Os dados levantados pela SMS revelaram que as gestantes pretas e pardas possuem uma maior dificuldade em realizar, pelo menos, sete consultas de pré-natal – quantitativo indicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em 2020, cerca de 27,9 mil gestantes tiveram o acompanhamento nas unidades da rede municipal de saúde para a realização do pré-natal, exames e outros procedimentos durante a gravidez. Os dados foram coletados pelo grupo técnico da Rede Cegonha da capital baiana, com base no Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos do Ministério da Saúde.

Fotos: Bruno Concha/Secom


*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

MARCADO:
Compartilhe este artigo
Seguir:
"Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu. Sarah Westphal