Laura Dalmás transcende amarras em single feminista

Ana Silva
Ana Silva
2 min. para leitura
Laura Dalmás transcende amarras em single feminista

“Quem ousar transgredir é maldita / Condenada à ilusão

(Transcender Amarras | Letra: Laura Dalmás e Jessica Berdet)

A intérprete e compositora gaúcha Laura Dalmás lança no dia 10 de dezembro (sexta-feira) a canção e o clipe Transcender Amarras nas plataformas digitais. Laura, que ficou conhecida em todo o Brasil ao participar da quinta edição do The Voice Brasil da Globo, traz mais um trabalho autoral. Com um arranjo vocal intenso e uma letra que fala sobre empoderamento feminino, ela transita entre o pop, rock e a MPB. O trabalho é o terceiro single do álbum Minha Essência, previsto para o primeiro trimestre de 2022.

“Transcender Amarras é sobre mim e muitas mulheres desta geração, porém é principalmente para as mulheres que vieram antes de nós”, explica Laura. “Nossas mães e avós tiveram que silenciar muitos de seus desejos e sonhos numa sociedade que não admitia que mulheres tivessem aspirações”, conclui. Para a intérprete de 23 anos, transcender é passar por cima, ultrapassar, superar – tudo o que as mulheres têm feito há mais de 100 anos em busca do caminho da equidade de gênero.

O single tem letra de Laura e Jessica Berdet e foi composta e produzida pela própria cantora e por Cristian Sperandir. Laura também é a idealizadora e produtora do videoclipe. O álbum Minha Essência conta com financiamento do Pró-Cultura RS e do edital Criação e Formação – Diversidade das Culturas, executado pela Fundação Marcopolo com recursos da Lei Aldir Blanc.

Transcender Amarras

Videoclipe: https://youtu.be/FWwGlIVX_dw

Plataformas: https://onerpm.link/860778028018

Redes: Facebook | Instagram | YouTube

Transcender Amarras 

(Letra: Laura Dalmás e Jessica Berdet)

Querem que você seja bonita

Mas nem tanto pra não assustar

Seja bem-sucedida e rica

Só não muito, não mais que eles

Querem te encaixar nas medidas

Concebidas no tempo de Adão

Quem ousar transgredir é maldita

Condenada à ilusão

Transcender amarras me convém

Eu consigo ver do outro lado do muro, sim

Vou viver a margem do não



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

MARCADO:
Compartilhe este artigo