Emendando sucessos, Gabriel Sanches fala sobre papel em “Quanto Mais Vida, Melhor!”

Ana Silva
Ana Silva
6 min. para leitura
Emendando sucessos, Gabriel Sanches fala sobre papel em “Quanto Mais Vida, Melhor!”

Depois de viver a drag queen Rúbia, na reapresentação de “Pega-Pega”, Gabriel Sanches retorna em “Quanto Mais Vida, Melhor!” nova novela das 19h da Globo. Com 33 anos, 15 de carreira, o brasiliense deu detalhes sobre Roberto Cintra, seu novo personagem.

— Ele é um profissional competente e interessado no melhor para a empresa em que trabalha, mas ao mesmo tempo sua ética é com o “ganha pão”. Então, ele vai aprontar um pouco com a chefe Paula Terrare (Giovanna Antonelli) em função desse compromisso com o próprio sucesso. Ele surfa conforme a onda e vai onde o banquete é bom – comentou o ator.

Mas se engana quem acha que o funcionário se enquadra entre vilão ou mocinho. Para Sanches, a narrativa é ainda mais aprofundada: “É sobre um ponto de vista próprio da personagem. Isso é muito mais rico pra se fazer enquanto ator, contar uma história multifacetada em que todos em determinado momento podem performar mocinhos ou vilões, é uma questão de ponto de vista ético, mas não sobre moral”.

Em QMVM, Gabriel atua com grandes nomes da teledramaturgia brasileira, como Giovanna Antonelli e Júlia Lemmertz, que estão nos papeis principais.

— Foi um presente na minha carreira (trabalhar com as atrizes). Foi só aprendizagem e afeto constantes. O que era admiração profissional também ganhou espaço no coração em forma de carinho. Sou agradecido e admirado pela oportunidade – afirmou.

Além delas, nomes como Bruno Cabrerizo, Carol Marra e Nany People também farão parte do círculo de Roberto.

Outra curiosidade é que na trama, o personagem usa óculos e esses são do próprio Gabriel, que possui miopia e, além de ajudar em cena, foi uma maneira de levar um pouco de si para a ficção.

— Eu tinha acabado de fazer um óculos de grau novo pra mim no dia da primeira prova de figurino e quando a Natália Duran (figurinista da novela) viu, amou e aprovou. Eu pensei que seria legal emprestar os óculos pro Roberto e pela primeira vez fazer um trabalho em que enxergo tudo. Tenho miopia e não me adapto fácil a lentes de contato, então em todo trabalho, até então, meus personagens sempre tiveram dificuldade para enxergar de longe. O Roberto é o primeiro que usa óculos e me dá a oportunidade em ver melhor. A princípio, lembro de no primeiro dia, me surpreender com a nitidez que enxergava as câmeras e quem estava por traz das câmeras enquanto fazíamos a cena. De alguma forma isso serviu de estudo para desenvolver a linguagem televisiva, como me posicionar melhor para a câmera – explica Gabriel.

O ponto chave da trama é a segunda chance de viver após um trágico acidente de avião. E para o ator, viver é um verdadeiro ato de coragem: “Viver é se colocar em movimento constante de busca, de estado de presença. É para além da experiência de estar vivo. É muita coisa. É tudo”, ressalta.

Após um tempo sem estreias inéditas, por conta da pandemia, a trama das 19h promete trazer comédia para os espectadores. Gabriel crê que o fato da faixa ter uma pegada mais leve, junto à trama, corresponderá as expectativas.

— Acho que a novela vai conseguir corresponder muito bem a essa expectativa, mas também surpreender com novidades para o horário. Visualmente acho a novela uma obra prima, há muita movimentação de câmera, além dos efeitos, como no primeiro capítulo, onde se viu beijo debaixo da água, o sonho do neném se desmanchando e a água vazando pela cama. A queda do avião, além do elenco, a abertura da novela, a trilha sonora, os figurinos, ou seja, é uma novela que tem muito para oferecer nos próximos meses. A história é muito envolvente e acredito que vá fazer muito sucesso – completa o interprete de Roberto Cintra.

Diferente de “Pega-Pega”, que quando exibida pela primeira vez foi gravada em constância com a exibição, “Quanto Mais Vida, Melhor!” teve sua trama finalizada antes mesmo de estrear, por conta da COVID-19. “É muita coisa nova de uma vez. A emoção é forte e o desejo é de que seja um momento de fluxo e abertura de caminhos para mais novos projetos”, pontuou.

Além da novela outros projetos de Gabriel começam a ser trabalhados no fim de 2021. Em dezembro, no dia 10, ele lança “Céu de Framboesa”, primeiro álbum da dupla de drags queens cantoras Sara e Nina, que ele forma em parceria com Alessandro Brandão, que também está na novela.

– É uma grande alegria poder lançar ‘Céu de Framboesa’ e vem quase que junto a estreia da novela, então é um momento muito feliz na carreira e acredito que venha bons frutos pela frente – finaliza o ator.



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

MARCADO:
Compartilhe este artigo
Por Ana Silva
Seguir:
"Acredite em si próprio e chegará um dia em que os outros não terão outra escolha senão acreditar com você. Cynthia Kersey Bem, isso resume meu 2022 :)