Do punk ao manguebeat, pernambucanos do Janete Saiu Para Beber lançam ao vivo no estúdio Showlivre

Angelo Peterson
Angelo Peterson
2 min. para leitura
Do punk ao manguebeat, pernambucanos do Janete Saiu Para Beber lançam ao vivo no estúdio Showlivre
Banda pernambucana, Janete Saiu Para Beber, lança no YouTube e nas principais plataformas digitais o show que gravou em fevereiro no estúdio Showlivre. O grupo traz em sua sonoridade uma mistura entre o punk/garage rock e ritmos da cultura popular, tais como: coco de roda, cavalo marinho, frevo e caboclinho. Suas letras revelam críticas sociais e pessoais, por serem o reflexo do estilo de vida e experiências pessoais de seus integrantes.
Em Janeiro deste ano, a banda Janete Saiu Para Beber, original do Cabo de Santo Agostinho-PE, aceitou o convite para realizar uma apresentação no estúdio Showlivre em São Paulo-SP. Janete Saiu Para Beber se tornou a primeira banda Cabense a participar do Showlivre, onde até então só tinham participado bandas de Recife e Olinda, que fizeram parte da Cena Mangue dos anos 90. Essa realização contou com o apoio da Secretaria de Cultura do Cabo de Santo Agostinho-PE, que viabilizou a presença da banda no espaço.
 
Além de apresentar toda a sua pluralidade sonora, que mistura o punk com hip hop e ritmos da cultura popular, a JSPB trouxe 9 músicas inéditas e um tributo ao Rei do  Baião Luiz Gonzaga, para o palco do Showlivre.  A banda é formada atualmente por César Braga – vocal, Kin Noise – Guitarra, Lennon Carneiro – Baixo, Niel Melo – Bateria, Eudes Junior – Percussão, e Erivaldo Romão – Percussão.
Assista a apresentação no Showlivre: https://www.youtube.com/watch?v=iFz9Zpw2l1g


*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo