Dia Mundial da Água: Startup desenvolve soluções capazes de reduzir desperdícios dentro de empresas

Ana Silva
Ana Silva
3 min. para leitura
Dia Mundial da Água: Startup desenvolve soluções capazes de reduzir desperdícios dentro de empresas

O Dia Mundial da Água, comemorado anualmente em 22 de março, tem como objetivo promover discussões relevantes acerca deste recurso natural tão essencial para a vida. Segundo relatório publicado pelo Instituto Trata Brasil, cerca de 40% de toda água potável é desperdiçada por conta de vazamentos, ligações irregulares, falta de medição ou monitoramento incorreto.

Apesar de ser um assunto relevante nesta época do ano, a startup EVOLV, – especializada no aumento de eficiência de processos operacionais utilizando IoT e Inteligência Artificial – que possui a sustentabilidade como pilar motivacional para o desenvolvimento de suas soluções, aliou recursos tecnológicos para minimizar os impactos ambientais do desperdício de água do mercado corporativo não apenas durante a comemoração, mas a todo momento.

“Por exemplo, para empresas que possuem hidrômetros, a tradicional leitura mensal interfere no processo de identificação de vazamentos ou consumos anômalos de água. Com a implementação da solução EVOLV, nosso objetivo é não apenas identificar desperdícios ao longo do horário comercial dos negócios, mas também auxiliar na busca por vazamentos 24 horas, incluindo horários de não funcionamento”, explica Leandro Simões, CEO da startup.

O sensor, desenvolvido através de tecnologias IoT e Inteligência Artificial, disponibiliza ferramentas de Business Intelligence para os gestores, inclusive até através de seus smartphones. O sistema monitora em tempo real o consumo de água, gás e energia elétrica, por exemplo, o que ajuda na preservação de recursos e, ainda, diminui os gastos organizacionais.

Outra área responsável pelo uso irracional de água é o setor de limpeza. Para isso, a startup também desenvolveu um sistema para redução de desperdícios. “O serviço de Limpeza Sob Demanda fornece alertas de acordo com a necessidade da limpeza de cada ambiente, levando em consideração tamanho, rotina e quantidade de usuários e funcionários que atuam em modelo presencial. Com um monitoramento automático do fluxo de pessoas nos banheiros, por exemplo, é possível organizar de maneira efetiva a rotina de higienização e reduzir custos com produtos, água e mão de obra, diferente das tradicionais rondas da equipe de limpeza”, ressalta Simões.

Em constante aumento, o nível de desperdício de água no mundo tende a aumentar de 20% a 30% dentro dos próximos trinta anos, de acordo com o Programa Mundial de Avaliação da Água da Unesco. Por isso, este é o momento ideal para empresas que buscam implementar a sustentabilidade em seus planos de negócios e, para os colaboradores, chegou a hora de repensarem seus hábitos de consumo.  “Nós já ajudamos empresas a reduzirem significativamente o nível de consumo irracional de água. Esperamos que, em um futuro próximo, a EVOLV alcance um maior número de organizações através da sustentabilidade”.



*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe este artigo