A Banda dos Corações Partidos convida a rapper Stella na dilacerante Que Amor é Esse?

O amor pode ser raso, de dar pena, uma tralha, resto ou pó, como interpreta Diane Veloso no novo single d’a Banda dos Corações Partidos, ‘Que amor é Esse?’, mas o questionamento é profundo e eloquente embalado num indie rock que fica ainda mais potente com a participação especial da artista e rapper sergipana Stella.

Ouça aqui o terceiro single do vindouro álbum desta agrupação formada por experientes músicos e artistas de Aracaju, Sergipe, um lançamento do selo Badalando:

https://ditto.fm/que-amor-e-esse-a-banda-dos-coracoes-partidos-featuring-stella

‘Que Amor é Esse?’ é um indie rock, ora denso, com passagens intimistas e explosivas, que expõe perspectivas de um relacionado tóxico.

Tem marcantes riffs de guitarra, baixo, bateria e synth em harmonia como base para a voz de Diane Veloso. A participação de Stella com um rap cru e certeiro deixa a música ainda mais dilacerante.

“Amar é sofrer? É manipulação, chantagem, agressão? É possessividade Que amor é esse? Não, isso não é amor! É melhor ficar só”, aponta Diane e toda a Corações nesta que é uma das mais impactantes composições da banda sergipana.

Para a vocalista Diane, ‘Que Amor é Esse?’ é ainda uma faixa chave para a Corações porque mostra novos elementos à sonoridade da banda, como a incursão mais enfática do indie rock.

“A Coração não se aprisiona a uma única estética, sempre nos atualizamos e gostamos de apontar para o futuro, para uma próxima música e disco, e essa em questão aponte um caminho que queremos percorrer mais, brincar mais com esse indie rock. É uma tentativa de nunca se fechar esteticamente. Queremos aproveitar a espontaneidade de cada integrante”, ele comenta.

Stella também comenta sobre a música e sua participação. “Quando eu recebi o convite para uma parceria, meu coração se aqueceu com aquele sensação boa, sabe? Trabalhar com quem você admira, com quem é referência para a cultura sergipana, é sempre uma honra e um privilégio”.

Ela revela que já sentiu a energia da música quando recebeu a letra, escrita por Alex Sant’Aanna. “Tudo parecia sincronizado com uma energia que eu já vinha emanando: a de me lavar e me livrar desses amores adoecidos. Não só os românticos, mas todos aqueles que se disfarçam de afeto para afetar a nossa intimidade”. E completa: “Espero que o nosso expurgo sirva de impulso para que outras pessoas consigam enxergar o próprio amor em meio a tanto coração partido”.

O produtor Alex Sant’Anna, que recentemente lançou o 4º disco da sua carreira autoral, chamado Encruzilhada, também esmiúça o novo single:

“Diane interpreta de forma visceral cada palavra, cada palavra como um tiro, enquanto questiona estes tipos de amor e em paralelo a isso os músicos Leo Airplane, Luno, Alexandre Marreta e Josimar Santos entregam um arranjo denso e pesado, tanto na parte rock quanto quando fazem cama para Stella cantar seus versos”.

Que Amor é Esse? é a terceira amostra do segundo álbum da banda, já intitulado Canções de Ódio, Abandono e Ressentimento – o primeiro single foi O Peso do Mundo é o Amor. São 12 faixas e está programado para chegar ao streaming no mês de março.

A música foi produzida por Alex Sant’Anna e Leo Airplane. O single, assim como o disco, foi viabilizado pela Lei Aldir Blanc de apoio à cultura.

 

Crédito foto: Manoela Veloso Passos


*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Ana Silva
"Acredite em si próprio e chegará um dia em que os outros não terão outra escolha senão acreditar com você. Cynthia Kersey Bem, isso resume meu 2022 :)